Terça-feira, 24 de Março de 2009

O Provedor

Mas antes do Sr. Provedor, uns links interessantes.


Um dos Administradores do Milan atacado pelos Ultras Napolitanos. Aqui.


O Villareal ajuda os adeptos que perderam os seus empregos. Aqui.


E finalmente: o crime compensa se fores apanhado apenas uns anos mais tarde. Aqui.


Em relação ao Provedor do Adepto, foi feita esta semana em A BOLA uma entrevista ao mesmo.


Na íntegra para vocês:


"Adeptos de futebol já têm provedor Jorge Silvério, doutorado em Psicologia Desportiva, foi o escolhido Terá total autonomia em relação à Liga Ouvirá queixas e sugestões Intervenção junto dos agentes desportivos

Por GERMANO ALMEIDA

A Liga criou uma nova figura para o futebol português: o Provedor do Adepto. Jorge Silvério, doutorado em Psicologia Desportiva e psicólogo com vários anos de trabalho ligado aos atletas, treinadores e clubes, foi a personalidade escolhida.
No discurso de balanço do primeiro ano de mandato, Hermínio Loureiro havia lançado a promessa e está agora a cumpri-la. Os adeptos vão passar a dispor de um interlocutor independente dos poderes já instituídos, a quem podem apresentar queixas, ideias e sugestões.
Em conversa com A BOLA, Jorge Silvério explica: «Terei um raio de acção totalmente independente da Direcção da Liga. Poderei servir de intermediário entre os adeptos e não só a Liga, mas também outros agentes do futebol exteriores ao organismo.»


MENTALIDADES TÊM QUE MUDAR

Na perspectiva de Jorge Silvério, a criação do Provador do Adepto foi mais uma prova de que Hermínio Loureiro pretende mesmo mudar o futebol português: «A Direcção da Liga tem estado a fazer um esforço a todos os níveis para alterar mentalidades. É claro que isto não se consegue de um dia para o outro. Demora tempo, mas já se começam a notar alguns resultados.» Mas a mudança não pode partir só da Liga — os clubes serão, sempre, os principais agentes do progresso: «Também da parte dos clubes tenho notado um grande esforço no sentido de valorizar os adeptos, que são a base de sustentação e o garante da existência dos clubes.»
Nestes tempos tão marcados pela economia e pelo poder das televisões, que peso têm os adeptos? Silvério responde de pronto: «Têm uma grande importância económica, não só pelos resultados de bilheteira e merchandising, mas também pela influência que tem no rendimento das equipas, em função do apoio emocional que lhes prestam durante os jogos. Tal influência está comprovada nos estudos que reportam as vantagens de se jogar em casa.»


CRISE VALORIZA FACTOR HUMANO

Curiosa ironia: a crise económica até pode levar a que a massa humana venha a ter mais relevância.
«Com a diminuição dos patrocínios, aumenta ainda mais a importâncias das receitas de bilheteira. Basta ver que FC Porto e Sporting arrecadam, neste momento, cerca de seis milhões de euros em vendas de lugares anuais.»
Mas estará o futebol português condenado a retrair-se, arrastado pelos dados de recessão económica?
«A crise não pode servir de desculpa para tudo. Há que ter uma atitude positiva e reagir às adversidades», aponta o professor.
«Há pouco tempo», conta Silvério, «estive em Buenos Aires e, como é óbvio, não deixei de ir ao La Bombonera, o estádio do Boca Juniors. Tive a oportunidade de falar com responsáveis pelo clube, que me contaram que, desde 1996, conseguiram triplicar o número de adeptos e de receitas. Neste momento, a lista de espera para novos sócios é de... 11 anos!»


SINAIS CONTRADITÓRIOS

Mas nem tudo tende a piorar. Jorge Silvério destaca os progressos feitos na questão das assistências: «Há alguns dados positivos. Na época passada, por exemplo, melhorou bastante a assistência nos estádios em Portugal, tendo-se atingido a média de 11 mil espectadores por jogo. Esta época, temos vindo a assistir a um declínio de cerca de mil espectadores, mas isso também ocorre, por exemplo, em Inglaterra.»
«Temos a segunda melhor assistência per capita da Europa. Só a Liga Sagres movimenta cerca de 90 mil pessoas todos os fins-de-semana», observa o novo Provedor.
De acordo com dados do Instituto Nacional de Estatística, relativos ao ano de 2006, 5,7 por cento dos orçamentos familiares é dedicado ao lazer, o que significa, em termos absolutos, um valor próximos dos mil euros por família. Para Jorge Silvério, «a multiplicação de actividades concorrenciais dificulta a capacidade do futebol atrair uma boa parte desse dinheiro disponível.» «O aumento do desemprego e a quebra do poder de compra obriga a uma adaptação dos clubes às novas realidades sociais», acrescenta.
Como recorrer:

- através de carta dirigida à sede da Liga de Clubes (Rua da Constituição, 2555 4250-173 Porto)
- através de email, que será disponibilizado num link a colocar em breve no site oficial da Liga (http://www.lpfp.pt/)
- através de reunião presencial na sede da Liga, após marcação (o provedor reservará um dia por semana para esses encontros)


PODERES E COMPETÊNCIAS DO NOVO PROVEDOR


Receber e avaliar queixas, solicitações, sugestões e dúvidas por parte dos adeptos
Emitir recomendações
Transmitir aos adeptos as recomendações e/ou propostas e recomendações no seguimento das queixas efectuadas
Analisar, encaminhar e organizar essas solicitações
Reunir com grupos de adeptos e /ou associações representativas
Mediar situações de potenciais conflitos
Incentivar e sensibilizar os adeptos para uma contribuição positiva
Desenvolver acções de formação, informação e esclarecimento junto dos adeptos
Prestar esclarecimento acerca dos direitos e deveres dos adeptos bem como normas regulamentares e legais
Efectuar propostas regulamentares visando a salvaguarda dos direitos e deveres dos adeptos
Reunir com clubes e outras instituições


CINCO OBJECTIVOS DO PROVEDOR DO ADEPTO


Ser um interlocutor reconhecido pelos diversos agentes do futebol
Fazer cumprir as normas legais e erradicar manifestações de xenofobia, violência e racismo
Fazer respeitar as regras de segurança
Encontrar formas positivas e construtivas de apoio às equipas
Promover o espírito ético e o fair play."
publicado por velhoestilo às 21:41
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Anónimo a 25 de Março de 2009 às 00:01
Caro VE já pensou que a UEFA nao alterou as leis devido ao caso do FCPorto ?

Já pensou que se isso fosse avante clubes como a Juventus (sabe quem la jogou e é uma das suas lendas?) e o AC Milan nao poderiam participar na CLeague ?

Pense bem no 'futebol espectaculo' e nas receitas, nao tanto da Juve, mas mais pelo lado do clube Rossonero.

É lixado, é lixado...

Platini nós estamos lá, o Porto está presente.

Quanto aos outros, nao nos interessa.

Continua a minha boa opiniao do seu blog.

Cheers !


De Velho Estilo a 26 de Março de 2009 às 10:22
O problema base está no "prevaricador - pagador", ou seja, quem comete ilegalidades, provadas em tribunal, deverá ser punido.

A mim pouco me interessa se o Clube se chama FCP, Juventus, Marseille ou ... Benfica.

Por estas e por outras é que o futebol é uma fantochada e cada vez (apesar das constantes campanhas de Marketing) há menos pessoas nos Estádios.

Cumps


Comentar post

.pesquisar

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29


.posts recentes

. Game Over... Insert Coin....

. A ingrata final

. De Londres a Lisboa...

. Á Campeão

. Um Campeão Renovou

. Até Quando?

. É OFICIAL

. Adepto

. Enorme Minoria

. Comunicado Diabos Vermelh...

.arquivos

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.mais sobre mim

blogs SAPO

.subscrever feeds